logotipo prevent

Telefones: 16 - 3610-6516
16 - 99758-4525
16 - 99758-3676

ARTIGOS

A GRIPE (INFLUENZA) E SUA PREVENÇÃO
A GRIPE é uma moléstia infecciosa aguda, altamente contagiosa, que ocorre em todo o mundo, comumente nas épocas mais frias do ano. Os vírus Influenza atingem as vias respiratórias por meio de gotículas dispersas no ar, através do espirro e tosse dos portadores, contagiando o ambiente.

Após um período de dois a três dias, a doença inicia-se com mal-estar geral, febre alta, calafrios, dores em todo o corpo, fraqueza, dor de cabeça e nos olhos, dor na garganta e os sintomas catarrais com coriza, congestão nasal, espirros e olhos lacrimejantes.

Este quadro tem a duração média de cinco dias, havendo posteriormente diminuição gradativa dos sintomas. As crianças e os adultos são os maiores transmissores da doença, uma vez que ambientes coletivos, escolas, creches, escritórios, ambientes com ar refrigerado, servem como replicadores da infecção gripal.

A evolução da Gripe, em geral, é benigna, mas pode evoluir com complicações sérias, dependendo das defesas imunológicas de cada um. Influem nesta evolução a idade e a existência prévia de moléstias como Diabetes, Doenças Pulmonares, Cardíacas, Neurológicas, Renais e outras. Nos dois extremos da vida, portanto, crianças de baixa idade e idosos podem ter manifestações mais graves da doença.

As complicações mais freqüentemente observadas são Otites, Sinusites, Bronquites, Pneumonias, causadas em geral por associação de bactérias patogênicas que se aproveitam das alterações inflamatórias causadas pelos vírus. Nestas condições, o uso de antibióticos se torna imperativo, inclusive algumas vezes com hospitalização.

As propostas de tratamento para Gripe, são muitas e variadas, inclusive com forte apelo cultural, mas se limitam a diminuir o desconforto geral, aliviar a febre e facilitar a expectoração e a respiração nasal.

Os medicamentos antivirais modernos devem ficar restritos à indicação médica e o uso de antibióticos somente nas complicações. O Resfriado Comum, as doenças alérgicas e mesmo algumas infecções das vias respiratórias são erroneamente confundidas com a Gripe. Existem três tipos sorológicos de Vírus Influenza: Influenza A, Influenza B e Influenza C, sendo os mais importantes do ponto de vista clínico os tipos A e B. A vacina antigripal é produzida a partir de dados epidemiológicos obtidos pela Organização Mundial de Saúde, com base em inúmeros centros de referência de mais de 150 países, inclusive o Brasil, sendo atualizada a cada ano, com as cepas dos vírus mais freqüentes, isolados nos surtos de Gripe.

A vacina recomendada pela Organização Mundial de Saúde é trivalente e contém um aglomerado de fragmentos do vírus Influenza A (2 grupos) e Influenza B ( 1 grupo) inativados, ou seja, mortos, altamente purificados e que já confere imunidade na segunda semana após a aplicação, com efetividade superior a 90% e duração de um ano. Crianças de baixa idade e idosos podem eventualmente precisar de uma segunda dose da vacina para se imunizarem.

A vacina é isenta de efeitos colaterais apreciáveis, e o que é importante, não provoca a doença, como muitos acreditam. É amplamente utilizada em todo o mundo, a partir dos 6 meses de idade, para todas as idades, respeitadas algumas condições especiais. Crianças com menos de 6 meses de idade e que ainda não podem receber a vacina, muito se beneficiarão com a vacinação dos seus contactantes mais próximos: pais, irmãos, avós, babás.

A Gripe tem um enorme impacto no equilíbrio individual, na dinâmica familiar, na escola, no trabalho, com reflexos importantes na esfera econômica e social.

Consideramos que a prevenção é o recurso mais eficiente para se controlar a Gripe.

Dr. Alberto Dabori

13/02/2012
O PAPILOMA VIRUS HUMANO E SUA IMPORTÂNCIA

O Papiloma vírus Humano (HPV) pertence a uma família de vírus, com aproximadamente uma centena de subtipos classificados.

13/02/2012
SARAMPO E RUBÉOLA

Sarampo e Rubéola são doenças distintas causadas por vírus e que se manifestam com febre, dores articulares, sintomas catarrais, tosse e ...

13/02/2012
OBESIDADE INFANTO-JUVENIL

Manter-se saudável, hoje, faz parte de um programa educacional, que lentamente vem sendo assimilado por parcela significativa da sociedade.

13/02/2012
CUIDADO COM A VARICELA

A Varicela, ou Catapora, como é popularmente conhecida, é uma doença infecciosa, de natureza viral, altamente contagiosa em qualquer fase da vida.

13/02/2012
MEDICINA PREVENTIVA

A Medicina Preventiva tem se mostrado o caminho mais eficiente para a promoção de saúde.